6ª mostra de curtas no Teatro das Beiras

cartaz mostra novo

                                 Agreste, de Carlos Filipe Magalhães
Ao questionarmo-nos sobre a solidão e sobre o homem, começamos a atravessar a ponte para a compreensão de ambos. Inspirado no livro “The Loneliness of Human Life” de William Alger, “Agreste” explora e retrata a beleza cruel da solidão e do efeito-idade patente nas paisagens e locais da região de Trás-os-Montes.

Data: 2009 | Duração: 25′ | Língua: Inglês | Género: Documentário Experimental

                                   Fronteira, de António Lopes
Quando a noite se abate, inicia-se a habitual agitação pelas ruas escuras e tortuosas de fronteira! Saem uns, e outros, desvanecendo na escuridão da noite, sem certeza de regressar.Um novo guarda chega à vila, Robalo. Este recusa-se a aceitar o modo de vida daquela gente, mantendo-se firme na sua missão, mas Fronteira tinha de vencer!

Data: 2013 | Duração: 15 minutos |

  1. Deixe um comentário

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: