Festival de Teatro da Covilhã 2011 – 3 de novembro

3.novembro, 11h00 | 14h30

TEATRO EXTREMO

“Estória Abensonhada” a partir de um conto de Mia Couto 


Estrelinho é um cego que conhece o mundo através dos olhos do seu guia Gigito que lhe conta o que vêem os olhos da sua imaginação. Gigito fantasia e o cego crê. Um dia Gigito é chamado a cumprir o serviço militar, parte para a guerra e deixa a sua irmã, Infelizmina, a tomar conta de Estrelinho. Mas Infelizmina não era menina de inventar, e o que descrevia era a mais pura das realidades. Estrelinho fica tão desalentado que pensa que perde a visão pela segunda vez. Gigito morre na guerra. Órfã de seu irmão, Infelizmina, entristecida, definhava. Então, Estrelinho pega na mão de Infelizmina e descreve-lhe o mundo tal como tinha aprendido antes com Gigito.

Texto Original: Mia Couto; Concepção e Encenação: Isabel Leitão; Interpretação: Bibi Gomes, Isabel Leitão e Rui Cerveira; Desenho de Luz: Celestino Verdades; Música Original: Miguel Cervini e Duarte Cabaça; Espaço Cénico: Fernando Jorge Lopes e Élio Antunes; Adereços: Élio Antunes; Figurinos: Mónica Madeira; Coreografia: Joana Bergano; Colaboração Artística: Joana Gomes; Operação técnica: Celestino Verdades, Élio Antunes; Grafismo e Fotografia: P2F; Concepção Vídeo/Spot TV: João Varela; Assessoria de imprensa: Nádia Monteiro; Produção: Sofia Oliveira; Assistente de produção: Paula Almeida; Promoção: Victor Pinto Ângelo

  1. Deixe um comentário

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: