Lauro António encontra Vergílio Ferreira na Covilhã

Como introdução ao espectáculo, e dentro das actividades “Vergiliando – viagem ao universo de Vergílio Ferreira”, temos o prazer de receber Lauro António, apreciador de Vergílio Ferreira e da sua obra. A 14 de Janeiro, na Cinubiteca da Universidade da Beira Interior serão projectados o documentário “ Vergílio Ferreira numa Manhã Submersa”, a longa metragem “Mãe Genoveva”, o documentário “Prefácio a Vergílio Ferreira” e a longa metragem “Manhã Submersa”. A 15 de Janeiro, no café teatro do Teatro das Beiras, às 16:00, haverá uma conversa sobre Vergílio Ferreira no cinema com Lauro António.

——————————–

Dia 14 Cinubiteca da Universidade da Beira Interior
18,00 H “Vergílio Ferreira numa “Manhã Submersa” – doc. 50 ‘
19,00 H “Mãe Genoveva” –  ficção 50’
22,00 H “Prefácio a Vergílio Ferreira”– doc. 15’
22,20 H “Manhã Submersa”-  ficção 127’

 

Dia 15 Café teatro do Teatro das Beiras
Dia 15, 16,00 H Conversa sobre Vergílio Ferreira no cinema com Lauro António
Dia 15, 21,30 H Espectáculo “ A Neve”

Licenciado em História, pela Faculdade de Letras de Lisboa.

Realizador de cinema (Manhã Submersa e O Vestido Cor de Fogo), e de televisão (séries Histórias de Mulheres (ficção), Prefácio a Vergilio Ferreira, O Zé Povinho na Revolução, Vamos ao Nimas, José Viana, Maria Sobral Mendonça, A Paródia, Novo Elucidário Madeirense (documentarismo), Humberto Delgado: Obviamente, Demito-o!, Cantando Espalharei… (poesia). Presença em centenas de Festivais e Semanas de Cinema Português. Diversos prémios, nacionais e internacionais. Filmes vendidos para circuitos comerciais e televisões de dezenas de países – Europa, EUA, África e América Latina.

Crítico e ensaísta de cinema com mais de cinco dezenas de obras publicadas (O Cinema Entre Nós; Cinema e Censura em Portugal; Horror Film Show – O Cinema Fantástico nos Anos70; Jacques Tourneur; David Cronenberg; Figueira da Foz – 10 Anos de Festival; Anuário Vídeo, anos de 86, 87, 90; Cinema e Comunicação Social; Lauro António Apresenta.., Virgílio Ferreira, A Serra e o Cinema, José Viana, 50 Anos de Carreira, A Memória das Sombras, O Ensino, o Cinema e o Audiovisual, E Depois de Abril, ‘Tá-Se Bem? (A Juventude em Portugal e no Mundo, depois de Abril de 1974). Cinema e Censura em Portugal, Citizen Kane (guião), O Vestido Cor de Fogo (guião), Educação Ambiental /o Audiovisuais no Ensino, etc.), Colecção “Cine Clube” (29 volumes). Director de diversas publicações de cinema e vídeo (Enquadramento; Isto é Espectáculo; Isto é Cinema e Vídeo Som).

Tem exercido regularmente a crítica cinematográfica em numerosas publicações, destacando-se a sua colaboração no Diário de Lisboa (1967-1975), Opção (1977-1978), Diário de Notícias (1976-198), A Capital, Diário Popular, Diário de Lisboa (2ª fase), e O Comércio do Porto, A Bola, Jornal do Fundão, Jornal do Sporting. Presentemente colabora na revista História e noutros jornais e revistas.

Autor de vários programas de cinema na rádio (RDP, Rádio Comercial, Rádio Clube Português, Rádio Geste, etc). Autor do programa O Musical no Cinema (Antena 2, 1997-2000).

Autor e encenador de teatro (A Encenação, etc.).

Dirigente cineclubista (Cine Clube Universitário de Lisboa, ABC Cine Clube de Lisboa, nos anos 60).

Director de programação das salas de cinemas de arte e ensaio Estúdio Apolo 7O (entre l969 e l985); Caleidoscópio (l973-l975) e Foco, no Porto (l972-l974);

Director de diversos Festivais de Cinema (Festival Internacional de Lisboa, 1966; Festroia, 1989; FestiViana, Viana do Castelo, desde 1990; Video Viana, desde 1995; Festival Internacional de Portalegre, 1988-1990; FACE, 1990; Cine Eco, Seia, Serra da Estrela, 1995-2009; Festival Escolar de Vídeo (1993-1996), Forum Açoriano de Cinema, 1998/1999), Famafest (Cinema e Literatura, Famalicão, 1999-2009), Festival “O Castelo em Imagens” (Portel – 2003-2009),

Coordenador do grupo “Cinema e Audiovisual” do Ministério da Educação, entre 1990-93.

Membro de Júri de diversos Festivais de Cinema, em Portugal e no Estrangeiro (Cine de Humor de La Coruña; Santarém; Figueira da Foz; Fantasporto; Tomar; Valladolid; Troia; Avança; Festivideo; Budapeste (Prémio da Crítica Internacional); Cinanima, Aveiro, FIPA, Biarritz, FICA (Goias, Brasil), Ourense (Espanha), Turim (Cinemambiente, 2007), etc.).

Professor de cinema e audiovisual (IADE, ISCEM, Universidade Nova, Cine Forum do Funchal, Universidade Moderna (I@T), etc). Professor das cadeiras de “Linguagem Audiovisual e Argumento” e “Produção e Realização”, no Curso de Tecnologias de Comunicação Audiovisual, do Instituto Politécnico do Porto.

Coordenador do Forum Académico de Cinema do Porto (no ISEP), das sessões de Cine Clube, da Biblioteca Museu da República e Resistência e das sessões “The Wonderfull- Cinematógrafo”, São Luiz.

Foi durante cinco anos conselheiro da TVI – Canal 4 para a área do cinema e autor e apresentador do programa “Lauro António Apresenta…“.

Presentemente é autor de vários blogues, entre os quais “Lauro António Apresenta” (http://lauroantonioapresenta.blogspot.com/).

Anúncios

, ,

  1. Deixe um comentário

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: